O verdadeiro sucesso do Mc Donald’s não são os hambúrgueres

Após assistir ao filme Fome de Poder, lançado em março desse ano (2017), me interessei pelo negócio do Mc Donald’s, a rede de fast-food mais conhecida do mundo e que vem a cada ano mostrando faturamentos bilionários. Seu sucesso não veio apenas de lanches gostosos e batatas fritas diferenciadas, foram necessárias mais ideias para que o negócio prosperasse economicamente.

A história dessa empresa começa com dois irmãos que tiveram a ideia de montar uma lanchonete em que não fosse necessário esperar muito pelo seu lanche (tendo tempo de espera de 30 segundos), não fosse necessários garçons e o preço fosse acessível a todos. Ray Kroc, que era um vendedor de máquinas de milk-shake, ficou encantado com a ideia dos irmãos e percebeu que o negócio estava dando certo, assim resolveu expandir.

No começo eles funcionavam como uma franquia qualquer: você compra a ideia e o layout do negócio, monta seu próprio negócio e parte dos lucros vai para o verdadeiro dono. Porém as coisas passaram a não dar muito certo, muitos franqueados vendiam os lanches mas também colocavam outros produtos para venda, não mantinham o local limpo e acabavam transformando o Mc Donald’s em um restaurante que já existia de monte na época.

Ray Kroc precisava de uma ideia para poder controlar os franqueados e assim ter um padrão de qualidade em seus restaurantes. Um funcionário seu da época deu a ideia que é utilizada até hoje (com pequenas mudanças desde então).

Uma empresa, que é do Mc Donald’s e responsável pela parte imobiliária, chamada Arcos Dorados, aluga direto com o proprietário, compra ou constrói o local que vai ter sua loja. Depois o processo com o franqueado acontece da seguinte forma:

aa

ou

cc

Assim o Mc Donald’s consegue ter controle sobre seus franqueados, pois se algo tiver errado o Arcos Dorados tem a garantia de que se pedir o terreno de volta o franqueado não poderá mais ter sua franquia.

Com isso o grande faturamento do Mc Donald’s não está na venda de hambúrguer, e sim no valor do aluguel pago pelos franqueados à rede.

Essa foi apenas uma mudança para fazer com que o Mc Donald’s desse certo. Mas como um investidor só se interessa por franquias que deem bons lucros, outra ideia que surgiu na época para diminuir os custos foi da implementação de milk-shake em pó, assim o gasto com estoque refrigerado foi diminuído drasticamente e logo aumentaram os lucros. Além dessa, outras ideias interessantes foram surgindo com os anos do Mc Donald’s.

Ainda ficou em dúvida sobre o verdadeiro sucesso da rede de fast-food? Deixe nos comentários ou entre em contato com a gente! Indicamos o filme Fome de Poder para você entender mais sobre esse sucesso mundial!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s